sexta-feira, 20 de fevereiro de 2009

Distâncias

Vivo separado por distâncias
De quem esta a um clique e de quem está a horas de distância

Kilômetros separam pessoas que amo e quero presente
Da presença daqueles de corações ausentes

Sonhos distantes de se tornarem realidade
Ilusões que até pareceram verdade
Distância de algumas teclas no computador
De alguns botões no telefone
De tudo que sei que deveria fazer e do que de fato sou cumpridor

Distância entre o saber e o sentir
Entre o querer e o fingir
Entre o esquecer e o carregar na memória
Entre assumir meus defeitos e conseguir produzir a melhora

Distância daquilo que eu sou e o que em Deus eu deveria ser
Das palavras escritas e dos sentimentos que gostaria de escrever

Sonho com o dia em que a distância se inverta
Que muito daquilo que esta ausente, seja o que não me afeta
Enquanto esse dia não chega, sigo firme minha caminhada
Sabendo que é Deus quem me direciona nessa jornada

E meus pés, por mais vacilantes que sejam sempre fugindo
São guiados e conduzidos por Aquele que preparou meu caminho

3 comentários:

João Romova disse...

Gostei muito do seu texto... me fez pensar.

"Distância entre o saber e o sentir
Entre o querer e o fingir
Entre o esquecer e o carregar na memória
Entre assumir meus defeitos e conseguir produzir a melhora"

Halley disse...

"Distânciaterapia".Hum...conheço isso. Através desse tratamento de Deus aprendemos a enxergar as pessoas que amamos sob outra ótica.Aprendemos tb a admitir nossos defeitos como nunca fizemos no passado.A dor e a saudade( bate Jesus!)fazem parte do processo,pois nos fazem valorizar o que antes era insignificante. Brilhante texto!!! Que Deus te abençoe nessa nova caminhada. Abraço forte!

Keaves disse...

João, realmente... são coisas já retóricas a nós que tentamos vez após vez acertar e vemos o quão distante estamos... tanto em sentimentos, quanto em atitudes e desejos. Obrigado!

Halley, Distanciaterapia - Gostei dessa! Mas é verdade... Só damos o real valor quando podemos sentir a falta daquilo que sempre nos foi presente. Obrigado! É bom ter vc "perto" nessa caminhada!