sábado, 27 de junho de 2009

Dar e Receber

Queria por alguns instantes poder ser como um espírito e estar presente, sem que as pessoas soubessem, pra saber o que dizem, pensam e agem ao meu respeito. Especialmente quando não estou com elas. Quais seriam minhas reações? Eu riria? Ficaria chateado? Choraria? Essas lágrimas seriam de alegria ou de tristeza?

Assim como João, eu queria morrer de mentirinha só pra saber quais seriam as reações das pessoas, quem viria ao meu enterro e o que diriam sobre mim. E penso: Porque os outros ocupam espaço tão grande em nossa vida e interdependencia de nossa felicidade?

Nós somos seres iguais e relacionais. Deus nos criou assim. Deus, como ser supremo, está acima de nós. Temos nossas atividades abaixo de nós. É impossível vivermos desconectados das pessoas, isolados, e sermos completos e felizes. No entanto, essa conexão deve servir como um fluxo, onde damos e recebemos. Se recebemos demais, ficamos enfadados. Se damos demais, esgotados.

A troca e a reciprocidade nos faz crescer e caminhar para a maturidade. Aliás, maturidade essa que só pode ser crescida na decisão de amar.

Que a cada dia seja eu mais maduro, na busca para aprender a aceitar, me dedicar mais a outrém, dando espaço também a receber aquilo que me é devido e não deveria ser tomado.

5 comentários:

João Romova disse...

essa frase ficou ótima...

"... receber o que me é devido e não deveria ser (por mim) tomado"

(vamos, pois, todos morrer de mentira! hehehe)

Talita disse...

Deus é muuuuito bom, ainda bem q ñ nos permite estar em lugar algum q ñ nos vejam.

Celebrando a Vida disse...

Esse desejo é parte do consciente coletivo. Uma vontadinha de onipresença que ELE deixou em nossos coraçoes. No final das contas é melhor ficar na vontadinha..senao a gente (EU)volta pra descontar em um por um o que falou. Keep writing....

Celebrando a Vida disse...

Keep writing...IMY texts!

Lamede Sarah disse...

Eu não tenho essa vontade, não. prefiro viver, de certa forma, com todas as aspas possíveis, "na ilusão". Acho que o que realmente é importante sobre a gente ficamos sabendo, de um jeito ou de outro. O resto são especulações, coisas ditas sem razão, sem vinculo nenhum com o verdadeiro eu.
Quanto a dar e receber, procuro viver isso, sim. Acredito que é assim que a vida funciona. Seres interdependentes. Deus é maravilhoso e excelso em sabedoria. Se as pessoas não necessitassem uma das outras, os homens já teriam se destruido.